Perfil

/Perfil
Perfil 2017-08-31T19:29:50+00:00

Júnior BrunelliOrigem

Rubens César Brunelli Júnior nasceu em 20 de fevereiro de 1970, em São Paulo, capital. Filho do Apóstolo Doriel de Oliveira (in memoriam), fundador da “Casa da Benção” e da missionária Ruth Brunelli de Oliveira que foram seus tios até os seus quatro anos de idade, Quando foi adotado por eles e vindo morar em Brasília com eles. É reconhecido também pelo nome Júnior Brunelli, nome adotado para sua vida pública/política.

É formado em Administração pública e privada pela Universidade Católica de Brasília e em Direito pela Faculdade FIPLAC com Doutorado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade do Moseo Argentino – UMSA

Como Estudante

Atuou como presidente do Centro acadêmico de Administração da Universidade Católica nos anos 1998 e 1999.

Foi diretor do Diretório Central de estudantes da Católica de 2000 a 2002, as principais bandeiras defendidas a época eram o ensino gratuito superior e investimentos para formação de cientistas pesquisadores brasileiros.

O momento era de transição do regime militar para o civil. Quando teve a oportunidade de participar da União nacional dos estudantes – UNE. Participou de diversos seminários, simpósios e cursos ligados ao movimento estudantil e sociais.

Diversas foram às passeatas que participou para os movimentos de interesses estudantis na época. Muitos estudantes a época estavam em dificuldades financeiras para pagarem suas mensalidades junto a faculdade. Desta forma, em conjunto com o Diretoria de Estudantes da Unb, CEUB, DOM BOSCO, UDF e UPIS, foram feitas várias passeatas que tomavam as ruas da W3 norte até a frente da UDF.

Os alunos da Unb e CEUB tomavam as ruas da W3 norte vindo em direção a Católica e os alunos iam se somando neste movimento democrático organizado pelos Diretórios de estudantes. Depois seguíamos rumo a Faculdade Dom Bosco, quando ali centenas de alunos engrossavam nossa marcha, e assim percorríamos até chegar a UDF em suas famosas escadarias onde fazíamos nossas falações e protestos para dias melhores.

Tínhamos no inicio do movimento a incompreensão das instituições de segurança que na época de forma truculenta e sem diálogo tentavam dispersar o movimento que tomava as ruas.

Como Profissional

Em 1982-1987 Iniciou como primeiro emprego na Igreja Tabernáculo Evangélico de Jesus – ITEJ, como Office boy,  lá trabalhou também com copias xerográficas, datilografia e auxiliando em serviços de contabilidade.

Em 1988-1990 foi trabalhar na Viação Aérea São Paulo-VASP/SA, onde iniciou seu trabalho no departamento comercial, na agência da W3-norte, onde foi promovido para agencia do hotel nacional local de venda de passagens e promovido novamente para o aeroporto onde desenvolveu várias atividades  com check-in, check-out, despacho de aeronaves e assistente da gerencia.

Em 1991-1991 trabalhou na Companhia Urbanizadora da Nova Capital-NOVACAP. Empresa Pública – Engenharia e Obra onde teve a oportunidade de trabalhar em projetos urbanísticos de obras para o Distrito Federal junto ao gabinete civil do Governador Joaquim Roriz.

Em 1991-1993 trabalhou Câmara Legislativa do Distrito Federal – CLDF, Serviço Público, onde pode desenvolver suas atividades na comissão de sistematização para a elaboração da LEI ORGÂNICA do Distrito Federal, ajudando na correção dos textos e pesquisas.

Em 1994-1998 Supremo Concilio – ITEJ, órgão administrativo das igrejas Tabernáculo Evangélico de Jesus como Diretor Administrativo atuando na organização administrativa, financeira, contábil e de informatização da instituição. Percorreu as igrejas no Brasil para a implantação do sistema administrativo. Muitas vezes de carro, outras de ônibus e outras de avião, mas com a determinação de concluir o projeto.

Em 1994-1998 trabalhou na Sociedade de Abastecimento de Brasília – SAB Empresa Pública – Atacado e Varejo como diretor comercial. Ao iniciar seus trabalhos naquela empresa constatou o total sucateamento e a situação pré-falimentar com dívidas de mais de R$ 30 milhões a época. Teve o desafio de encarar essa missão dada de ajudar a levantar a empresa pelo governador Joaquim Roriz.

Nesta empresa como uma diretoria dinâmica e competente na Presidência João Herculino Filho e na diretoria administrativa Mario Hissahi tivemos muitos desafios para colocar a casa em ordem. Negociar com os credores, organizar patrimônio, enfim viabilizar a empresa, pois esta não podia ser desativada por conter funcionários concursados e se a empresa fosse fechada os funcionários perderiam seus vínculos empregatícios gerando certamente um grande problema social para esses funcionários concursados, mas celetistas, a exemplo dos anos 1990, onde muitas empresas federais foram fechadas e houve uma convulsão social com pais de família se suicidando.

A ideia do encerramento das atividades da empresa foi proposto pelo governo do presidente Fernando Henrique Cardoso e chancelado pelo governador Cristovam Buarque para renegociação da dívida do Distrito Federal junto ao governo Federal. Isto para lembrar onde começou o desmonte da empresa.

O governador Joaquim Roriz ganha a eleição e sempre teve suas bandeiras de vida pública voltado para o social. Ele determina a reorganização da empresa não mais voltada para os supermercados de venda de produtos de gênero alimentício. Mas agora com o propósito de alcançar os setores rurais e a assistência alimentar para as famílias de baixa renda.

Reorganizou os caminhões supermercados para atender as áreas rurais e novas cidades criadas, onde os mercados comerciais não operam, organizamos nossos setores de estoques, pois nos cabia à missão agora de montagem e distribuição das cestas básicas no galpão de operações logísticas da empresa. Organizamos a entrega da logística de distribuição em mais de 40(quarenta) pontos da cidade. Chegamos a entregar mais de 90.000(noventa mil cestas básicas), uma verdadeira operação de guerra todos os meses.

Além das cestas básicas também operamos a entrega de pão e leite para a população carente estes indo das fabricantes direto aos pontos de distribuição diariamente, nos cabendo a fiscalização da qualidade dos produtos.

Montou na SAB através de uma empresa contratada para inspecionar a qualidade dos produtos adquiridos pelos fornecedores que passavam por um criterioso teste de qualidade. Muitas vezes fazíamos a mercadoria voltar por não atender os níveis de qualidade do produto.

Em 1999-2000 Trabalhou na Companhia do Desenvolvimento Social do Planalto Central-CODEPLAN, Empresa Pública – Pesquisas e estatísticas trabalhou na assessoria técnica desta empresa como o Diretor técnico coronel Danton para o planejamento de projetos para áreas sociais no Distrito Federal.

Em 2001-2002 Trabalhou no Instituto Candango de Solidariedade – ICS na área Desenvolvimento Social lotado no gabinete do chefe da casa civil trabalhando no desenvolvimento de projetos da assessoria parlamentar do DF junto a Câmara Legislativa do DF.

Em 2003-2006 Trabalhou na Câmara Legislativa do Distrito Federal como Deputado Distrital na Quarta Legislatura

Em 2007-2010 Trabalhou na Câmara Legislativa do Distrito Federal como Deputado Distrital na Quinta Legislatura

Cursos e Ocupações Complementares

Integração e Prática de Trabalho, Xerox do Brasil – 1986

Língua Inglesa, Instituto Western – 1987-1988

Contabilidade Gerencial, PUC-DF – 1989

Licitações e Contratos, CRE-DF – 1990

Assessoria Parlamentar, CLDF – 1991

Atualização em Língua Portuguesa e Técnica da Elaboração Legislativa, CLDF – 1991

Elaboração e Execução Orçamentária, CLDF – 1991

Presidente do Centro Acadêmico de Administração da PUC-DF, 1988-1990

Membro da Diretoria do Diretório Central de Estudantes da PUC-DF, 1991-1992

Membro do Conselho dos Direitos das Crianças e Adolescentes-DF, 1998-2000

Deputado Júnior Brunelli

O deputado distrital Júnior Brunelli foi um dos mais atuantes parlamentares da Câmara Legislativa do Distrito Federal. Foi reeleito em outubro de 2006 com 23.734 votos, o mais votado da coligação. Sua primeira eleição foi em 2002, quando obteve 7.691 votos, pelo Partido Progressista. Em 1994 e 1998, também pelo PP, ficou como suplente de deputado distrital.

Comissões Parlamentares que ocupou

Em seu primeiro mandato, em fevereiro de 2003, Brunelli foi eleito para presidir, a mais importante comissão permanente da Câmara Legislativa a da Constituição e Justiça (CCJ).

Ao assumir o comando da CCJ, Brunelli adotou uma série de medidas destinadas a racionalizar os trabalhos daquela Comissão, pois já fazia um ano, desde março de 2002, que os integrantes da mesma não realizavam reuniões. Com dinamismo, fez com que a CCJ funcionasse para melhor atender os interesse do povo do Distrito Federal.

Após um ano no comando da CCJ, Brunelli assumiu outro desafio, o de presidir a Comissão de Assuntos Sociais (CAS). Presidiu ainda, por breve período, a Comissão de Defesa do Consumidor.

Na reabertura dos trabalhos legislativos de 2005, o deputado Brunelli foi reconduzido à CCJ por votação unânime de seus colegas da Câmara Legislativa.

Em fevereiro de 2006 foi reconduzido, pela terceira vez, presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Bandeiras

Uma das principais bandeiras do deputado Brunelli foi à regularização fundiária dos condomínios existentes na capital federal, especialmente de baixa renda. Brunelli tem como slogan “Justiça Social e Trabalho”. Fiel a esse pensamento, o deputado apresentou, até julho de 2008, 130 projetos de lei.

Projetos Apresentados

Por duas vezes, em 2005 e 2006 Brunelli foi apontado como o Distrital mais atuante em levantamento feito pela 3ª Secretaria da Câmara Legislativa, com 1.369 proposições, 509 a mais em comparação com o segundo colocado.

Deste total, 31 projetos já foram transformados em lei e estão em vigor. Uma das leis mais importantes diz respeito à adoção do gás natural como combustível que reduzirá os gastos dos donos de automóveis e dos taxistas. Muitas das iniciativas do Deputado dependem agora de interesse político do Poder Executivo. Necessário que a comunidade compreenda essas propostas e apóie a implantação de projetos como este do gás natural para aumentarmos a proteção que deve ser dada a um meio ambiente saudável para todos.

Leis

Outro destaque é para a lei que regulamenta a assistência religiosa nos presídios e hospitais da capital federal, iniciativa importante buscando a ressocialização e inserção dos presos na comunidade. Importante também é a lei que institui o Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), deixando ao Instituto de Medicina Legal (IML), apenas os casos de morte violenta. Tal iniciativa poderia trazer enormes benefícios à comunidade, diminuindo custos do Estado, que poderia utilizar os recursos disponíveis em áreas mais carentes como saúde e educação.

Obras Executadas

Junior Brunelli prestando contas de seu trabalho à população e as Igrejas. As igrejas são o encontro da sociedade. Onde estão todas as camadas sociais e estas precisam do apoio do Estado.

Nº INDICAÇÃO AÇÕES EM RESUMO

  1. 110/03 Pavimentação Asfáltica das praças – EQNM17/19, EQNN 04/06, EQNM 19/21 e EQNM 20/22
  2. 112/03 Pavimentação Asfáltica da praça – QNM 40 AE 05
  3. 209/03 Pavimentação Asfáltica da praça – Ig Pentecostal ELIM (EQNN 07/09)
  4. 473/03 Pavimentação da Praça da EQNN 17/19
  5. 401/03 Sugere ao Secretário da Fazenda a não emissão de Carnês de IPTU e TLP, aos Templos de Qualquer Culto.
  6. 865/03 Iluminação da CSG – Comunidade Cristã Gileade
  7. 1615/03 Sugere ao Secretário de Fazenda que o prazo para apresentação do requerimento de isenção do IPTU/TLP das igrejas de qualquer culto, seja fixado até o último dia útil do mês de abril.
  8. 2662/04 Urbanização e iluminação pública SCN 03 Bloco C – Shopping Liberty Mall e Administração de Brasília (Igreja Internacional da Reconciliação – Ministério Geração Profética)
  9. 2667/04 Estacionamento com iluminação QNQ- 07 Conj. 07 Casa 16 – Batista Monte Horebe
  10. 2669/04 Estacionamento com iluminação QNO- 16 Conj. 09 Lote 10 – Missão da Fé
  11. 2671/04 Estacionamento com iluminação QNO- 20 Conj. A – Paróquia São Francisco de Assis
  12. 2672/04 Estacionamento com iluminação QNO- 19 Conj. H Casa 04 A/E – Casa de Oração dos Últimos Dias
  13. 2674/04 Estacionamento com iluminação QNN- 33 A/E A Ceil. Norte – Adventista da Reforma
  14. 2675/04 Estacionamento com iluminação QNN- 31 Módulo H -A/E – Igreja Menonita
  15. 2676/04 Estacionamento com iluminação QNN- 29 Módulo E- A/E – Assembléia de Deus
  16. 2678/04 Estacionamento com iluminação QNO-17 Conj. I Lote 09 – Assembléia de Deus – Pr. João Fcº
  17. 2679/04 Estacionamento com iluminação EQNO – 13/15 Lote A A/E – Igreja Batista Monte Horebe
  18. 2680/04 Estacionamento QNM 29 Módulo A – Igreja Batista Independente
  19. 2682/04 Estacionamento QNM 27 Módulo A – Assembléia de Deus e Casa da Criança
  20. 2684/04 Estacionamento EQNN 07/09 A/E – Igreja ELIM
  21. 2687/04 Estacionamento QNM 28 Módulo A – Assembléia de Deus
  22. 2688/04 Estacionamento QNM 30 Módulo A – Igreja São José
  23. 2689/04 Estacionamento EQNM 18/20 Módulo A – Igreja Cristã Maranata
  24. 2690/04 Estacionamento QNM 30 Módulo B e C – Luterana
  25. 2691/04 Estacionamento QNM 32 Módulo A – Igreja Cristã Evangélica da Aliança
  26. 2692/04 Estacionamento com iluminação EQNP- 13/17 A/E G – Assembléia de Deus Missões
  27. 2693/04 Estacionamento com iluminação EQNP- 15/19 A/E H – Evangélica Pentecostal Missionária
  28. 2694/04 Estacionamento com iluminação CNR- 01 A/E Lote 03 – Assembléia de Deus
  29. 2695/04 Estacionamento com iluminação QNQ- 05 Conj. 02 Lotes 2/3 – Assembléia de Deus
  30. 2697/04 Estacionamento com iluminação EQNO- 8/10 Módulo A – 1ª Igreja Batista do Setor O
  31. 2698/04 Estacionamento com iluminação QNO- 07 A/E – Assembléia de Deus
  32. 2700/04 Estacionamento com iluminação EQNP- 11/15 A/E G – Assembléia de Deus
  33. 2701/04 Estacionamento com iluminação QNO- 08 Conj. C Lotes 26/28 – Manancial de Vida
  34. 2702/04 Estacionamento com iluminação EQNP-11/15 Módulo F – Com. Evangélica Projeto de Deus.
  35. 2703/04 Estacionamento com iluminação QNQ- 01 Conj. 02 Casa 26 – Ministério Fé e Louvor
  36. 2704/04 Estacionamento com iluminação EQNP-9/5 Área Esp. C L- 01 – Assembléia de Deus Independente
  37. 2834/04 Concessão de usos e frutos da área localizada na parte central de acesso ao Condomínio Privê de Ceilândia à Igreja Evangélica Missionária Renovo do Senhor com fins de instalação do seu templo sede e ampliação da obra de atendimento social realizado na comunidade
  38. 3890/05 Requereu do Governador que ao encaminhar a esta Casa os novos Planos Diretores Locais e a revisão dos já existentes, regularize as pendências fundiárias das igrejas de qualquer culto que atualmente ocupam áreas públicas em todo o Distrito Federal.
  39. 2679/04 Estacionamento com iluminação pública na EQNO 13/15; Lote A A/E,em frente à Igreja Batista Monte Horebe.
  40. 2680/04 Construção de Estacionamento na QNM 29 Módulo A; em frente à Igreja Batista Independente.
  41. 2681/04 Construção de Estacionamento na QNM 30 Módulo E; Centro de Ensino Maria Rosa e Colégio CEMAR.
  42. 2682/04 Construção de Estacionamento na QNM 27; Módulo A, em frente a Igreja Assembléia de Deus e Casa da Criança.
  43. 2683/04 Construção de Estacionamento na QNM 31 Módulo C; em frente à Creche Sociedade São Vicente de Paula.
  44. 2684/04 Construção de Estacionamento na EQNN 07/09 A/E; em frente à Igreja ELIM.
  45. 2685/04 Construção de Estacionamento na QNM 32; Módulo C – Casa da Criança Batuíra.
  46. 2686/04 Construção de Estacionamento na QNM 32 Módulo B; em frente ao Lions Club.
  47. 2687/04 Construção de Estacionamento na QNM 28 Módulo A; em frente à Igreja Assembléia de Deus.
  48. 2688/04 Construção de Estacionamento na QNM 30 Módulo A, em frente à Igreja São José.
  49. 2689/04 Construção de Estacionamento na EQNM 18/20 Módulo A; em frente à Igreja Cristã Maranata.
  50. 2690/04 Construção de Estacionamento na QNM 30 Módulo B e C.
  51. 2691/04 Construção de Estacionamento na QNM 32 Módulo A; em frente à Igreja Cristã Evangélica da Aliança.
  52. 2692/04 Construção de Estacionamento; com iluminação pública, na EQNP- 13/17 A/E G, em frente à Igreja Assembléia de Deus Missões.
  53. 2693/04 Construção de Estacionamento com iluminação na EQNP; 15/19 A/E H, em frente à Igreja Evangélica Pentecostal Missionária.
  54. 2694/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na CNR- 01 A/E Lote 03; em frente à Igreja Assembléia de Deus.
  55. 2695/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na QNQ 05;  Conj. 02 Lotes 2/3, em frente à Igreja Assembléia de Deus.
  56. 2696/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública. na EQNP 9/5 A/E G – Centro de Ensino Interativo -.
  57. 2697/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na EQNO 8/10 Módulo A . em frente à 1ª Igreja Batista do Setor O.
  58. 2698/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na QNO 07 A/E. em frente à Igreja Assembléia de Deus.
  59. 2699/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na EQNP- 13/09 A/E A. em frente ao Colégio Dinâmico.
  60. 2700/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na EQNP- 11/15 A/E G, em frente à Igreja Assembléia de Deus.
  61. 2701/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na QNO 08 Conj. C Lotes 26/28 , em frente à Igreja Manancial de Vida.
  62. 2702/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na EQNP-11/15 Módulo F , em frente a Comunidade Evangélica Projeto de Deus
  63. 2703/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na QNQ 01 Conj. 02 Casa 26, em frente à Igreja Ministério Fé e Louvor.
  64. 2704/04 Construção de Estacionamento com iluminação Pública na EQNP 9/5 Área Esp. C L- 01, em frente à Igreja Assembléia de Deus Independente.
  65. 2705/04 Construção de Estacionamento com iluminação pública na QNQ 01 Conj. 01 Lote 19/20 , em frente ao Colégio Dinâmico.
  66. 2759/04 Construção do estacionamento com iluminação pública do Centro de Ensino nº 16, na EQNM 22/24.
  67. 2834/04 Concessão de uso e fruto do terreno localizado na parte central de acesso ao Condomínio Privê de Ceilândia à Igreja Evangélica Missionária Renovo do Senhor para instalação do seu templo sede e ampliação da obra de atendimento social realizado na comunidade
  68. 2880/04 Iluminação entre QNM 22/24
  69. 2881/04 Reforma da Escola Classe 53;
  70. 2940/04 Estacionamento com iluminação EQNO 09/11 AE Lote A – Casa da Benção;
  71. 2994/04 Reforma e ampliação do HRC.
  72. 3195//05 Desafetação da QNP 16 A/E, destinando-se p/ o Centro de Ensino Médio 06 – RA IX;
  73. 3319/05 Roçagem do mato no “quadradão” da QNP 23 em frente ao Conj. F – RA IX;
  74. 3775/05 Reforma do Posto de Saúde EQNP 28/32 – Setor P-Sul na RA – IX
  75. 4925/06 Sugere ao Senhor Secretário de Infra-estrutura e Obras do Distrito Federal; a cobertura da quadra de esporte da QNP 09 – Setor “P” Norte; na Região Administrativa de Ceilândia – RA IX
  76. 4961/06 Sugere ao Senhor Administrador Regional de Ceilândia a limpeza e arruamento da QNO 06; Conjuntos “O” e “P” na Região Administrativa de Ceilândia – RA IX.
  77. 4962/06 Sugere ao Senhor Presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal – CAESB; a implantação de hidrômetros na QNO 06, Conjuntos “O” e “P” na Região Administrativa de Ceilândia – RA IX.
  78. 4971/06 Sugere ao Senhor Secretário de Infra-estrutura e Obras do Distrito Federal a reposição dos braços com lâmpada que foram retirados da QNO 06 Conjuntos ‘O’ e ‘P’ – Região Administrativa de Ceilândia, RA IX.
  79. 5143/06 Sugere ao Senhor Secretário de Infra-estrutura e Obras do Distrito Federal; a pavimentação asfáltica da QNQ 07 em Ceilândia – RA IX.
  80. 5177/06 Sugere ao Senhor Secretário de Infra-estrutura e Obras do Distrito Federal; a urgente urbanização do Condomínio Pôr do Sol na cidade de Ceilândia – RA IX.
  81. 5291/06 Sugere ao Senhor Secretário de Saúde do Distrito Federal, a urgente reforma do CSC 02 – na cidade de Ceilândia, RA-IX.

Moções de aplausos à equipe de colaboradores do Zoológico

Junior Brunelli na campanha 2010. Certamente apresentar esta prestação de contas a população é sentir o dever cumprido para com a sociedade. E principalmente aqueles que são humilhados e desprezados hodiernamente.

Junior Brunelli na ASPOLO através Câmara Legislativa aprovou dezenas de moções em homenagem à diretoria do Jardim Zoológico e de todo corpo de servidores.

Essas moções, de aplausos, foram entregues em 2008 numa concorrida cerimônia no pátio da Fundação. As moções representaram o reconhecimento do trabalho realizado por todos os integrantes da equipe do Zoológico. Que, dia e noite, buscam garantir o bem estar dos animais e a segurança dos visitantes.

Brunelli fez indicação para Centro de Treinamento e Lazer

Com o decisivo apoio de Brunelli e do Diretor Presidente do Jardim Zoológico, Raul Gonzalez, foi liberado uma área de 24 mil metros quadrados para instalação do Centro de Treinamento e Lazer.

A ajuda da Secretaria de Parques e Jardins (COMPARQUES), foi fundamental para alcançarmos esse objetivo.

Com a instalação do Centro de Treinamento e Lazer, foi possível desenvolver uma série de atividades esportivas e entretenimento à população, afirma Brunelli.

que sempre apoiou o trabalho da ASSPOLO, através de indicações junto à Câmara Legislativa e emendas ao orçamento do GDF.

Brunelli Defende funcionários do Zoológico em Plenário

Os servidores do zoológico foram levianamente caluniados por segmentos da sociedade, por tráfico internacional de animais.

Brunelli foi o único deputado que defendeu na tribuna da câmara, os funcionários da ASSPOLO.

À época, expos sua indignação quanto às calunias, que se levantaram contra os funcionários do zoológico.

Brunelli defendeu sem temor essa classe junto às entidades públicas e privadas. Essa atitude firme, evitou que denúncias apressadas e infundadas pudessem manchar a história de honra e glória da instituição.

Reportagens sobre a atuação de Brunelli

 

Informativos Brunelli

Junior Brunelli e Informativos este são uma pequena parte do trabalho que foi desenvolvido a favor da comunidade em todo o Distrito Federal sendo a voz e o trabalho daqueles que necessitam.

Igrejas e seguimentos Sociais

O deputado Brunelli lutou pelo povo de Deus na Câmara Legislativa. Conseguiu, por exemplo, a isenção do pagamento do IPTU e da Taxa de Lixo para os templos religiosos de todo o Distrito Federal. Isso tudo pelo papel importante que as igrejas possuem do ponto de vista social, colaborando com o setor público na diminuição da criminalidade e buscando a justiça social.

O distrital Brunelli foi responsável pela criação de uma Comissão Especial, da Câmara Legislativa, que elaborou projeto de lei regularizando o funcionamento dos templos evangélicos em áreas residenciais.

Mesa Diretora

Na legislatura passada, o distrital Brunelli foi integrante da Mesa Diretora da CLDF, quando ocupou o cargo de 2º Secretário. Exerceu também exerce uma importante função na Casa, a de Corregedor-Geral.

Os mandatos do Deputado Brunelli serviram sempre aos interesses da população mais carente do Distrito Federal, seja por meio das iniciativas que apoiaram as igrejas, seja por meio das dezenas de projetos de lei apresentados, sendo que agora dependemos de iniciativas políticas para colocar em prática muito do que já foi conquistado.

Prêmios e Condecorações

  • Curso de Formação Política Escola Nacional de Política do Instituto Tancredo Neves 2006.
  • Titulo de Cidadão Honorífico Luzianiense, Dec. Legislativo 496. 25/11/2004.
  • Honra ao Mérito do Governo do Distrito Federal pelos relevantes serviços prestados a cidade de Taguatinga-DF 05/06/2008.
  • Ordem Internacional das Ciências, Artes, Letras e da Cultura em comemoração aos 500 anos de descobrimento do Brasil, livro 01, fls. 12, de Láureas da ordem internacional das ciências, Artes, Letras e da Cultua sob o número 690, de 27/05/1998.
  • Honras Legislativas do Distrito Federal pelo profícuo trabalho de elaboração da Carta Magna desta unidade Federativa no período de 1991-1993, 06/06/2003.
  • Honras Legislativas do Distrito Federal em reconhecimento pelos serviços prestados à Câmara Legislativa do Distrito Federal, em sua primeira legislatura no período de 1991-1994, 28/10/1992.
  • Seminário Homem de Honra da Igreja Tabernáculo Evangélico de Jesus em 25/03/1995.
  • Mérito do Conselho Nacional de Pastores do Brasil – CNPB, 09/04/1997.
  • Personalidade do Ano pela Ordem Internacional das Ciências, Artes, Letras e Cultura. Livro 01, fls. 11 de Láureas Internacional das ciências, artes, letras e cultura 566, de 22/12/1997.
  • Relevantes serviços prestados ao Centro de Formação e aperfeiçoamentos de praças – CFAP no primeiro ciclo de palestras jurídicas no período de 26 à 30 de julho de 1999, na Faculdade União Pioneira de Integração Social – UPIS.
  • Participação de seminário da Lei de responsabilidade fiscal realizado em 13 de fevereiro de 2001, pelo Partido Progressista Brasileiro.
  • Medalha Alferes José Joaquim da Silva Xavier – Tiradentes da policia militar do Distrito Federal pelo decreto de 13 de maio de 2003.
  • Medalha Imperador Dom Pedro II do corpo de bombeiros militar do Distrito Federal pelo decreto de 01 de julho de 2003.
  • Moção de Louvor da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro em 25 de setembro de 2003.
  • Personalidade do ano de 2004, pela Ordem Internacional das Ciências, Artes, Letras e cultura, livro 01, fls. 15, de Láureas da Ordem Internacional das Ciências, Artes, Letras e cultura.
  • Honra ao mérito corpo de bombeiros militar do Distrito Federal.
  • Bons serviços prestados a corporação 2005.
  • Doutor Honoris Causa em teologia Faculdade Teológica Nacional – FATEN.
  • Livro 1 B, número 180050, 22 de abril de 2005.
  • Medalha da Defesa Civil do Distrito Federal.
  • Relevantes serviços prestados ao sistema de defesa civil do DF. 08 de junho de 2005.
  • Honra ao Mérito Cruz do mérito teológico e educacional.
  • Faculdade de Teologia Antioquia Internacional 14 de junho de 2005.
  • Medalha do Mérito Alvorada.
  • Reconhecimento ao modo relevante com o qual contribuiu para o progresso do DF. 15 de dezembro de 2005.

Como Pastor

Atualmente Brunelli se dedica a servir ao povo de Deus em sua igreja e através de apoio a inúmeros projetos sociais continua atuando para melhorar a vida das pessoas de bem do Distrito Federal. Brunelli continua à disposição do povo, sempre se dispondo a participar das iniciativas da comunidade que visem ao bem comum e a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, onde as pessoas são respeitadas pelo que são. Sabendo que a maioria de nosso povo é formada por gente de bem, Brunelli está ao lado desse povo sofrido, ajudando-o a sair das dificuldades por meio da Palavra de Deus e apoio a projetos de desenvolvimento social.